Última semana do Capital Moto Week reúne clássicos do rock nacional

Motoweek.jpg

Foto: Divulgação

Público circulante dos primeiros quatro dias de festival superou o do mesmo período da edição anterior

http://www.instagram.com/gov_df

Tudo pronto para iniciar a segunda fase de atrações musicais que abrilhantarão o palco principal da 17ª edição do Capital Moto Week (CMW). A Cidade do Motociclista será cenário para os shows do Detonautas e Dead Fish (28/7), Os Paralamas do Sucesso (29/7) e Capital Inicial (30/7). As bandas de destaque devem dar continuidade ao sucesso estrondoso dos primeiros quatro dias do festival, quando foi alcançado o público circulante de aproximadamente 290 mil pessoas no Parque de Exposições da Granja do Torto. Um aumento de 15% ao comparar com o mesmo período da última edição, em 2019.

Mais de 800 mil pessoas de público circulante de diversos países, além de 300 mil motos, deverão passar nos 10 dias de programação do festival. A retomada do CMW começou no dia 21 de julho e já é considerada a mais impactante em termos de números e de ativações. Com mais de 70 shows na programação, a arena de show já recebeu clássicos dos Raimundos, da Pitty, do Biquíni Cavadão e da Blitz. A cantora Dani Firme, da banda Rock Beats, e Digão, do Raimundos, são os embaixadores do desta edição.

“Todos os shows principais terão intérpretes de libras e espaços pensados para garantir mobilidade das pessoas com deficiência”, destaca Juliana Jacinto, organizadora do CMW. “Liberdade, espírito e tradição são palavras que traduzem o nosso festival, e faz tempo que queremos unir no palco bandas e estilos diferentes para realizarem apresentações únicas e que só poderão ser vistas aqui”, revela Pedro Affonso Franco, também organizador.

Além dos shows principais, os quatro palcos espalhados nos 250 mil m² – espaço equivalentes a 25 Maracanãs – têm recebido dezenas de nomes da cena do rock local e nacional, que têm dominado os palcos temáticos Saloon, Moto Bar e Lady Bikers.

A montagem do maior palco de rock do Centro-Oeste com uma caveira de meia tonelada no topo e a criação de novos espaços dentro do festival estão entre as principais novidades de 2022. O CMW conta ainda com cinema ao ar livre, parque de diversão, globo da morte, luta livre performática, a maior tirolesa instalada em festivais do Distrito Federal e outras diversas experiências para entreter todos os públicos. E, mais uma vez, o festival é 100% pet friendly.

O tradicional passeio motociclístico, considerado o maior do mundo, ocorrerá no dia 30 de julho, sábado, a partir das 15h, com ponto de partida na Granja do Torto. Os organizadores do CMW esperam bater o recorde da última edição, quando mais de 45 mil motos percorreram a cidade e voltaram ao parque de exposições para abrir os shows do último dia de festival.

Queridinhos da gastronomia presentes

A 17ª edição do Capital Moto Week está sendo inesquecível em todos os sentidos. As áreas de lazer foram ampliadas e as duas praças de alimentação, junto com os quiosques espalhados pelo CMW, reúnem mais de 30 operações gastronômicas tradicionais da cidade. De segunda a sexta, das 12 às 14h, a entrada é gratuita para todos apreciarem bons pratos na Cidade do Motociclista. O bilhete de acesso precisa ser emitido no site da Bilheteria Digital.

De acarajé a cozinha italiana, tem de tudo nas duas praças de alimentação e dezenas de quiosques espalhados pela Cidade do Motociclista. Um convite a experiências no maior festival de motos da América Latina. “Brasília nasceu criativa, muito antes do seu caráter administrativo. E iremos mostrar o quanto a capital é plural na gastronomia também”, ressalta Pedro Affonso Franco, organizador do festival.

Grandes legados

Mais de 4 milhões de pessoas já visitaram o CMW. Motociclistas e turistas de todo o Brasil e de mais de 10 países em cinco continentes já passaram pelo festival. Na última edição em 2019, foram injetados cerca de R$ 55 milhões para a economia da cidade. A previsão para 2022 é ainda mais animadora. Na última edição foram gerados mais de 7 mil empregos diretos e indiretos; agora a expectativa é de aumentar em 40% essa marca.

“Isso significa ao menos 10 mil empregos gerados desde a montagem até os dias de festival, em que mais de 200 empresas são envolvidas para garantir o funcionamento de todas as operações que compreendem um espaço que não para e que acolhe mais de 20 mil pessoas”, acrescenta Franco.

Capital Moto Week 2022

Quando: de 21 a 30 de julho
Onde: Parque de Exposições da Granja do Torto – Brasília (DF)

Ingressos para pedestres no site www.bilheteriadigital.com.

Fonte: Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

scroll to top