Home CIDADES Conselheiro tutelar é agredido por mãe que perdeu a guarda dos filhos

Conselheiro tutelar é agredido por mãe que perdeu a guarda dos filhos

129
0
Compartilhar
Funcionário foi atacado enquanto conversava em frente ao conselho - Foto: Arquivo Pesooal

Mulher sofre de dependência química e perdeu a guarda dos filhos em 2015. Segundo funcionários, a mesma praticou vandalismo contra o local em Abril

Uma mulher de 29 anos é acusada de agredir um funcionário do Conselho Tutelar Gama I, no Gama. Ela teria dado um tapa no rosto do conselheiro e depois jogado um copo de vidro contra ele. De acordo com o secretário-geral do órgão, Roberto Mendonça, ela já teria atacado o local com pedras em abril.

Segundo Roberto, a acusada culpa o Conselho Tutelar pelo fato de os filhos terem sido levados para um abrigo em 2015. As três crianças, com idades de 7, 8 e 9 anos, foram encaminhadas para adoção. “Ela é dependente química. Ela acha que foi o conselho que agiu por conta própria, mas foi consequência da situação. O esposo dela está preso”, comenta Roberto.

As agressões teriam ocorrido contra o conselheiro que acompanhou o caso dela. “Nesse momento, ele estava na frente do conselho conversando. Ela passou pelo portão e quando o viu, começou agredí-lo”, relata o secretário-geral.

Segundo funcionários, a mulher quebrou vidraças e janelas do conselho em abril – Foto: Arquivo Pessoal

De acordo com funcionários, em abril deste ano, ela teria invadido o local e quebrado as vidraças e janelas, pelo mesmo motivo. “Ela foi presa por dano a patrimônio e foi liberada na audiência de custódia, com medida. Ela não deveria se aproximar do conselho”, afirma Roberto. A agressora foi encaminhada pela Polícia Militar à 20ª Delegacia de Polícia (Gama).

Na delegacia, a liberdade dela ficou condicionada a uma fiança de R$1 mil, porém não foi paga e ela foi recolhida ao cárcere do Divisão de Controle e Custódia de Presos, onde ficará à disposição da Justiça, segundo a Polícia Civil.
Fonte: CB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here